Conecte-se em minhas redes sociais
Gestão de Pessoas

Gestão de Pessoas – Sua Presença é Fundamental

by Rodrigo Ferreira
Comments are off for this post.

Share this article

Uma máxima em meu trabalho com gestão de pessoas: o sucesso do trabalho em equipe depende de sua essência, que é o fator individual. Isso é o que batizei de Conceito Universal da Individualidade. Logo, se cada membro do grupo evoluir, consequentemente o coletivo se fortalece. E é papel do líder guiar seus liderados ao crescimento contínuo. Porém, um líder que se mantém numa posição de distância, jamais fará seu grupo crescer. A presença do líder é fundamental para o desenvolvimento da equipe!

Assista ao Vídeo “Gestão de Pessoas – Sua Presença é Fundamental”

Há uma metáfora bem interessante em que o líder é comparado a um jardineiro. Se pararmos para pensar, isso faz muito sentido… afinal, o que faz um jardineiro? Basicamente cuida para que as plantas do jardim cresçam saudáveis e nasçam flores bonitas! Regam e aparam cada planta com muito amor… se houver alguma erva daninha ele sabe retirar para que não interfira no crescimento das outras plantas. Mas fica a pergunta: ele conseguiria realizar isso estando longe do jardim? Claro que é impossível…

Então, aquele líder que persiste no esquema “Eu sou o chefe e dou as ordens. Eles são meus subordinados e apenas obedecem” pode ser considerado um líder antiquado e ineficaz. Ele nunca será capaz de extrair o máximo da equipe simplesmente porque não está próximo o bastante para conhecer o seu potencial. Da mesma forma, um líder que apenas delega funções e se esconde, rapidamente vai perder o controle e o respeito da equipe… ou seja, manter distância de seus liderados é um erro grave e você jamais vai exercer uma liderança em alto nível agindo desta maneira.

Portanto, ame sua equipe assim como o jardineiro ama o jardim! Isso quer dizer que o líder precisa “gostar de gente”, de conviver com as pessoas e entender suas expectativas. Assim, o grupo vai se sentir muito mais seguro e motivado, pois verá que o líder “joga junto” com eles e realmente se preocupa com seu crescimento. Afinal de contas, assim como a obrigação do jardineiro é fazer o jardim crescer, a obrigação do líder é ajudar sua equipe a atingir a excelência!

Share this article

Comments are closed.